Lesão do Menisco

A prática de esportes encontra-se, atualmente, difundida por todo o planeta, sendo os benefícios associados a atividade física bem documentados em todas as faixas etárias.
O futebol é indubitavelmente o esporte mais popular do mundo e do Brasil. Sendo que a incidência de lesões neste esporte é estimada em aproximadamente 10 a 15 lesões para cada 1.000 horas de prática esportiva.

As lesões mais comuns acometem os membros inferiores (70-80%) sendo que a maioria envolvem as articulações do joelho, tornozelo e a musculatura da coxa.

Dentre as lesões do joelho que ocorrem no futebol uma das mais comuns é a ruptura dos meniscos (medial e/ou lateral).

O menisco é uma estrutura presente no interior dos joelhos e funciona como um preenchedor articular que garante maior estabilidade para a articulação.

Lesão do Menisco

Entre as diversas funções desta estrutura temos:

– lubrificação: ajudando a distribuir o liquido sinovial ajudando na nutrição da cartilagem articular
– estabilização do joelho
– absorção de 40 e 60% do peso na posição de pé

As lesões traumáticas do menisco medial e lateral são causadas mais comumente por rotação com o joelho parcialmente dobrado e membro fixo no chão. O local mais comum de lesão é a parte posterior do menisco.

Entre os diversos fatores que predispõe a lesão temos:

• Formação cística periférica
• Anomalias meniscais congênitas (menisco discóide)
• Áreas degeneradas
• Alteração do eixo dos membros inferiores
• Articulações com frouxidão e musculatura inadequada

Após a lesão do menisco o paciente pode apresentar entre outros sintomas:

• Travamento
• Inchaço do joelho
• Insegurança no joelho
• Dor
• Atrofia da musculatura da coxa

Após uma história e exame físico minuciosos pode-se solicitar exame complementar como a Ressonância Magnética para confirmação do diagnóstico de lesão do menisco.

Lesão do Menisco 2

O tratamento depende das características da lesão. Em algumas lesões menores e estáveis pode-se realizar tratamento não cirúrgico com fisioterapia.

Já as lesões maiores e instáveis podem ser tratadas com cirurgia artroscópica (artroscopia) com sutura ou retirada de parte do menisco lesado.

Logo, aconselha-se a procura de um médico ortopedista especialista em cirurgia do joelho para diagnóstico e tratamento corretos em casos de lesões do joelho.